img
Pintura Predial

Solar Pinturas

img
img
img
Especialidade

Pintura predial

A fachada de um prédio ou condomínio é o seu principal cartão de visitas. É nela que se expressa toda a personalidade, estilo arquitetônico e identidade estética da propriedade. Prédios comerciais e residenciais apostam na decoração e design da fachada como um dos detalhes que geram atração para possíveis compradores, pois esses elementos fazem parte da comunicação visual do investimento. A escolha das cores, portanto, é essencial para conquistar um ambiente harmônico e refinado. A pintura predial é um serviço necessário, não apenas para incrementar a estética, mas por motivos mais intrínsecos, ligados à estrutura da construção, pois visa a impermeabilização do prédio, isolando a umidade e prevenindo possíveis infiltrações. Nas próximas linhas, descubra quais são as principais funções da pintura de fachada predial, como funciona a contratação do serviço e quais são os cuidados na hora de pintar uma fachada – comercial ou residencial.

  • Infiltração de água através de fissuras e/ou
    trincas,
  • Bolhas nas paredes,
  • Descascamento,
  • Pulverulência da tinta,
  • Depreciação,
  • Falha na impermeabilização;
  • Eflorescência;
  • Descoloração.

Essas são as principais manifestações patológicas de edifícios que não estão cumprindo um cronograma de pintura correto, que protege as estruturas do prédio ao mesmo tempo em que valoriza o patrimônio.

Cada caso é um caso. Determinar a hora certa da pintura envolve estudar diversos fatores, tais como:

  • Definição pela construtora no manual de áreas
  • comuns;
  • Idade do edifício;
  • Localização e o impacto dos agentes da natureza,
  • Data da última pintura, etc.

Algumas áreas devem receber atenção especial em relação à pintura. Fachadas que não são muito ensolaradas, voltadas para áreas atingidas mais frequentemente pelas chuvas ou locais desprotegidos devem receber especificações técnicas mais rígidas.

A responsabilidade pela manutenção de ambientes de uso coletivo, como: fachada, garagens, portaria e hall é da gestão do condomínio. Síndicos ou administradores devem se atentar à paleta de cores especificada no manual descritivo do prédio.

A fachada do condomínio abarca toda a área visível das faces de um prédio, que pode ser externa (laterais, frente e fundo do prédio) ou interna (portas dos apartamentos, corredores, espaços públicos e estacionamentos).

É imprescindível que o serviço de manutenção predial seja feito por profissionais habilitados, para garantir proteção e segurança aos moradores.

Serviços de pintura malfeitos fazem com que a repintura seja necessária antes mesmo do que o planejado. A qualidade da tinta também pode fazer com que o serviço perca a durabilidade antes do previsto.

Algumas cidades regem leis que obrigam os condomínios a realizarem a lavagem e pintura da fachada a cada cinco anos. É o caso, por exemplo, da cidade de São Paulo, que criou a Lei nº 10.518/88, com regras explícitas a respeito da pintura. O não cumprimento dessa lei pode resultar em penalidades.

Como funciona um contrato de prestação de serviços de pintura predial

O trabalho de pintura predial exige habilidade, esforço e perícia, portanto, deve ser feito por profissionais capacitados, um time especializado em atender as exigências técnicas do serviço. Os profissionais trabalharão nas alturas, portanto devem ser treinados de maneira sistemática nos conhecimentos da norma N 35.

Essa norma estabelece os critérios mínimos para trabalhos nas alturas, bem como as medidas de proteção que envolvem: organização, planejamento e execução do trabalho, para que seja executado com maestria e não coloque em risco a vida dos profissionais envolvidos com a atividade.

Contratar uma empresa responsável, que leve em conta todos os requisitos básicos expressos nesta norma é de responsabilidade do síndico ou administrador do edifício.

Um estudo preliminar é feito no local da obra, para que a empresa contratada entenda exatamente quais são os serviços que precisarão ser feitos no prédio. Essa análise prévia envolve conhecer os pontos de risco e traçar um plano para sanar quaisquer categorias de anomalias nas áreas necessárias.

 No ato da contratação do serviço, é importante que um profissional seja apontado como agente fiscalizador da obra, atentando-se para não haver descumprimento mútuo em relação aos serviços oferecidos.

A época do ano em que o serviço será executado também é muito importante. Os períodos de maior estiagem ocorrem entre abril e novembro, portanto, essas datas devem ser consideradas para melhor aproveitamento de recursos. Períodos chuvosos podem danificar materiais e causar perda de insumos.

O momento do orçamento serve para que o síndico ou a empresa administradora do prédio defina quais são os serviços requeridos e suas expectativas para o resultado final. É preciso que haja clareza nas especificações, além da documentação escrita de tudo o que foi especificado na reunião.

Após a reunião do síndico junto à empresa, um orçamento de pintura predial é desenvolvido constando as formas de pagamento e detalhamento dos serviços.

A Solar Pinturas realiza orçamentos com preços justos, equipe qualificada e profissionais habilidosos que realizarão suas atividades respeitando os critérios das normas estabelecidas tanto pelo condomínio quanto pelas leis vigentes.

Cuidados que devem ser adotados na pintura predial

Quando se trata de contratação de serviços de pintura predial, várias etapas devem ser executadas e não devem ser transpostas.

Antes de mais nada, o prestador do serviço precisa ter clareza se o serviço será executado em prédio comercial, residencial ou industrial. Também é preciso saber se a pintura será feita em prédios novos ou se trata de repintura em edifícios antigos.

O fator principal a ser considerado é relacionado aos moradores: a segurança deverá ser redobrada se pessoas passarem pelo local onde será executado o serviço.

Confira as fases de uma pintura nas linhas a seguir:

Limpeza e remoção de sujidades

Antes de começar a fase da pintura em si, é necessário realizar um tratamento das paredes, para a remoção de colônias de microrganismos que podem contaminar a região e causar problemas futuros.

Após a limpeza cuidadosa, recomenda-se uma avaliação criteriosa das condições gerais da superfície das fachadas, detectando fissuras, trincas ou eventuais desplacamentos, que podem indicar áreas de alerta, tratamento e preparo mais rigoroso antes da pintura.

Antes da lavagem, em caso de repintura, trincas e fissuras visíveis devem ser recuperadas, para evitar possíveis infiltrações de água nos apartamentos. A pintura jamais deve ser aplicada por cima de anomalias que podem comprometer todo o trabalho no futuro.

Nessa etapa é feito o reconhecimento de pontos que necessitam de maior atenção, como bolhas, falhas estruturais, áreas ocas e assim por diante.

Correção de imperfeições

Nessa etapa é necessário remover a eflorescência, corrigir fissuras, identificar e corrigir áreas de infiltração de água. O lixamento é importante para eliminar
imperfeições e garantir uma boa aderência da tinta ou impermeabilizante.

Após o lixamento, é hora de passar a massa acrílica, que corrigirá as trincas e imperfeições do edifício, caso se trate de repintura. Uniformizar a parede e retirar excessos de massa é uma etapa essencial, já que imperfeições deixadas para trás podem ser vistas de longe em fachadas de prédios.

Selador

O objetivo principal do selador é garantir um bom acabamento ao preparo da parede, prolongando a fixação da pintura e impedindo que a alvenaria absorva a tinta. O selador também se converge em economia de insumos, já que reduz as demãos de tinta.

Uma camada de selador sela os poros do reboco e age como uma camada de proteção entre a tinta e a capa cimentícia, provocando a aderência certa da tinta posterior.

Pintura

A escolha da cor da fachada deve estar em harmonia com a paleta de cores fornecida pelo descritivo memorial do condomínio. A empresa de pintura predial contratada para o serviço deve respeitar a norma da ABNT, a NBR 15079/2011.

Essa norma especifica os requisitos mínimos a serem levados em conta sobre tintas para construção civil. Dentre as suas várias definições, encontramos as tintas exigidas para áreas externas:

– Tinta látex Standard;

– Tinta látex Premium;

A tinta látex Premium é a que atende mais rigorosamente os critérios da norma NBR 15079/2011 e é a melhor opção a ser utilizada quando se trata de fachadas e áreas externas de condomínios.

Segurança da obra e equipamentos

Normas de segurança devem ser seguidas rigorosamente durante um serviço de pintura predial. Os profissionais que executarão o serviço, como foi mencionado anteriormente, devem conhecer as NRs de trabalho em altura e isso envolve cursos de treinamento para a função.

Os treinamentos devem passar por reciclagem, devendo ser atualizados anualmente. Além dos cursos, todos os pintores precisam realizar testes e exames médicos para que a empresa tenha como comprovar que estão aptos para realizarem suas funções, sem problemas de saúde que possam comprometer suas atividades.

Esse procedimento é necessário para que o trabalhador não coloque sua vida em risco e nem a de outras pessoas que estão circulando nos arredores da obra.

Os equipamentos de Proteção individual (EPIS) como óculos e capacete também precisam ser utilizados a todo o tempo. Esse trabalho não pode ser feito por amadores, mas por profissionais qualificados que respeitam a vida e prezam pela segurança, tanto individual quanto coletiva.

As cadeirinhas de madeira devem ser descartadas, pois não apresentam segurança e podem ser perigosas. O equipamento deve ser aprovado pelo Ministério do Trabalho e deve apresentar cintos de segurança e alavanca de travamento, que podem ser utilizados caso aconteça acidentes.

Os equipamentos utilizados para a pintura, como rolos, espátulas, escovas de aço e desempenadeiras devem ser da melhor qualidade possível. Além disso, profissionais experientes se preocupam com o peso nas alturas, não carregando latas de tinta ou materiais em excesso que excedem o peso ideal no carrinho.

Se for preciso o reabastecimento da lata, uma equipe em terra deve dar o suporte necessário para os pintores que estão em lugares elevados.

A Solar Pinturas é especializada em pintura predial e conta com uma equipe de profissionais bem-preparada, habilidosa e treinada para trabalho em alturas.

Como conseguir resultados melhores na pintura predial

Para garantir um ambiente autêntico, que sirva de inovação e inspiração aos moradores e atenda todas as exigências dos órgãos regulamentadores, é preciso se atentar a alguns fatores:

Não pular etapas

Cada etapa de um serviço de pintura predial deve ser levada a sério. Para garantir a segurança tanto dos moradores quanto dos profissionais que estão conduzindo a obra, é necessário pensar estrategicamente em cada ponto de execução.

Esse é um dos principais motivos pelo qual o serviço precisa ser executado por profissionais peritos no assunto. Contratar amadores para realizar o trabalho apenas para que a obra saia mais barata pode gerar estresse desnecessário, rescisão do contrato, constrangimentos e o pior – acidentes.

Prezar pela qualidade

Equipamentos e produtos devem ter a máxima qualidade, para que o resultado seja satisfatório. Produtos de segunda linha ou equipamentos sem garantia podem até ser mais baratos, mas o custo-benefício no final da obra não será o mesmo.

Respeitar os processos, o tempo de execução para ação de cada produto e analisar as condições do clima e ambiente são fatores cruciais para a qualidade do serviço.

A pintura Predial é indicada para:

  • Imóveis novos;
  • Imóveis usados quando a fachada demanda restaurações.

A diferença entre a execução dos dois serviços mencionados acima é justamente o fator humano. Áreas com circulação de moradores e apartamentos ocupados demandam uma atenção maior e exigem mais cuidado.

Como se planejar para a Pintura Predial

Embora a lei exija que os condomínios realizem a pintura predial a cada 5 anos, realizar o serviço traz harmonia e valorização patrimonial e deve ser feito independente da obrigatoriedade.

Isso demanda atenção por parte do gestor. Porém, não é um serviço barato. Exige planejamento.

O síndico precisa convocar uma assembleia extraordinária (Art. 1.341 do Código Civil, parágrafo 3.º) para que os condôminos votem a favor do início do projeto. Afinal, trata-se de “conservar o bem e evitar que se deteriore”.

Para que as obras comecem, a maioria dos presentes precisa ter votado a favor da pintura. Quando se trata da mudança de cor da fachada, os condôminos precisam entrar em consenso e a aprovação deve ser de 100%.

Para que tudo corra bem, é preciso atentar-se a algumas fases da pintura predial:

Orçamentos: realizar orçamentos e apresentá-los aos condôminos no dia da reunião é fundamental para que eles saibam se há condições de arcar com
os custos da obra. Uma dica de ouro para a fase do orçamento é visitar obras realizadas pela empresa a ser contratada.

Conversar com pessoas envolvidas no projeto, como o síndico ou gestor administrativo, pode ser útil para medir o grau de satisfação com o serviço executado.

Avaliação Técnica: a avaliação técnica deve ser feita por profissionais habilitados, peritos no assunto. Durante a visita, será avaliado quais são os serviços ou reparos necessários para a pintura. Essa visita técnica é essencial para realizar um orçamento assertivo e determinar o cronograma de execução da obra.

Contrato de prestação de serviços: o contrato deve ser redigido com especificidade, alinhando as expectativas da empresa contratada e do condomínio. Os pagamentos precisam ser feitos conforme o cronograma da obra e a entrega deve cumprir um rigoroso calendário.

Orçamentos baratos demais podem custar caro para o condomínio no final. Falta de cumprimento de prazos, desrespeito com moradores, serviço malfeito e depredação de propriedades são alguns efeitos colaterais do famoso “barato sai caro”.

Logística: é preciso um preparo por parte do condomínio para receber a equipe contratada, com locais especificamente reservados para armazenamento de materiais e refeições dos trabalhadores.

Um fator importante relacionado à estrutura da obra é designar alguém por parte do condomínio para acompanhar e atender essas demandas. Alguns condomínios exigem a privacidade dos moradores em trabalhos em frente às janelas. A empresa contratada deve respeitar todas essas exigências.

Onde encontrar pintura predial são Paulo

Em suma, para contratar uma empresa de pintura predial, vários fatores precisam ser considerados. Pensar na integridade física dos moradores durante a execução dos trabalhos é dever, tanto da empresa contratada quanto do condomínio.

A cidade de São Paulo possui leis e decretos municipais que colocam a pintura e lavagem da fachada sob o prisma da obrigatoriedade. Compete ao gestor cuidar para não haver surpresas durante a contratação dos serviços.

A Solar Pinturas é especialista em Pintura Predial e já executou diversas obras em bairros como:

  • Santana
  • Moóca
  • Casa Verde
  • Imirim
  • Limão
  • E muitos outros.

Nosso quadro de funcionários atende todas as exigências legais e respeitamos todas as demandas do Ministério do Trabalho durante nossas contratações. Nós oferecemos um orçamento justo, com propostas de negociações viáveis, sem perder a qualidade dos serviços oferecidos.

Além disso, fizemos história no estado de São Paulo, atendendo mais de 500 projetos de manutenção de fachada com toda a infraestrutura constantemente aprimorada e oferecendo aos nossos clientes serviços de qualidade, que superam as expectativas.

Solicite um orçamento sem compromisso.

Serviços

Nós vamos te ajudar a ter a melhor solução!

Artigos e Publicações

Veja várias dicas, textos, artigos
e publicações em nosso Blog